Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

oitentaeoitosim

08
Abr17

Lucidus ordo – I

Jorge

Quando a lógica não é uma batata

     «O fim das taxas de roaming (15 de Junho de 2017) poderá levar a um aumento dos preços das operadoras móveis, principalmente nos países em que há uma grande entrada de turistas, como revela o estudo da consultora Altran, citada pelo Diário de Notícias (há dias).

     As cidades que tenham uma taxa elevada de estrangeiros vão ter de suportar serviços de rede melhorados. Serviços esses que vão ser cobrados aos utilizadores do país que acolhe os turistas, como é o caso de Portugal».

 

Quando a lógica não é uma semilha

     «Numa conferência, o Secretário Regional das Finanças da Madeira (anda com poucos dias) referiu a importância de defender o Centro Internacional de Negócios da Madeira (Zona Franca, offshore, ou por aí) na captação de recursos financeiros do exterior – “atualmente é um instrumento fundamental de arrecadação de receita fiscal, contribuindo para que a dependência de transferências, quer do Orçamento do Estado [242 milhões de euros], quer da União Europeia [199 milhões de euros], seja cada vez menos relevante”

     O Secretario Regional evidenciou o paradoxo existente já que “enquanto a generalidade dos países da Europa, mais ricos do que nós, como o Luxemburgo, a Holanda ou a Áustria, só para falar dar três exemplos, defendem as suas Praças com “unhas e dentes”, alguns políticos portugueses elegeram a Zona Franca da Madeira como um “alvo a abater”.

 

Quando a lógica se parece com uma batata/semilha

      «A MEO foi multada em 955 mil euros por infringir contrato da rede de telefones públicos; o contrato obrigava a disponibilizar cabinas de telefone públicas ou telefone em locais públicos, como hospitais, não foi cumprido. A dita empresa recebeu mais de 12 milhões para o fazer.

     A operadora tem agora um prazo de 20 dias seguidos para contestar a multa, caso contrário ficará sem a caução de 617 mil euros que pagou em 2014».

 

Quando a lógica é uma batata/semilha

      «Em entrevista dada ao jornal ‘i’, a 3 de abril deste ano, o atual presidente dos quadros bancários disse taxativamente: 'Estamos a assistir a uma reconfiguração da banca (portuguesa), por imposição do BCE, que é ter menos balcões, menos concorrência, para que aqueles que cá ficam façam cartel, o que é perfeitamente errado'».

 

 Quando tens dinheiro, só tu esqueces quem és. Mas, quando não tens cheta, todos se esquecem de quem tu és.

Bill Gates

 Lucidus ordo I.gif

(Decidi começar a fumar. O meu patrão dá $150 a quem deixar de fumar!)

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2011
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2010
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2009
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub